domingo, 23 de abril de 2017

A.VISEU - 1 PORTIMONENSE - 0 - IMPORTANTE

SEGUNDA LIGA

Académico de Viseu adia subida do Portimonense à I Liga

Tiago Borges, aos 71', marcou o único tento do encontro no qual os algarvios só precisavam de um ponto para subirem à Liga NOS.
Académico de Viseu
Foto: DR
Académico de Viseu
Por SAPO Desporto c/ Lusa sapodesporto@sapo.pt
O Portimonense adiou esta manhã a subida à Liga, na sequência da derrota frente ao Académico de Viseu (1-0) no Estádio do Fontelo.
Tiago Borges, aos 71', marcou o único tento do encontro no qual os algarvios só precisavam de um ponto para subirem à Liga NOS.
Foi mais feliz a equipa da casa, que conseguiu marcar, por Tiago Borges, numa das poucas oportunidades de golo que o Académico conseguiu criar no jogo. Uma investida de Bruno Loureiro pela direita, passe para Tiago Borges, que, ao segundo poste, se limitar a empurrar para a baliza de Ricardo Ferreira.
Até ao golo, assistiu-se a um jogo repartido, embora com algum domínio dos algarvios, mas oportunidades claras só aos 27 minutos, numa 'bomba' de Tabata, que obrigou Rodolfo a uma defesa difícil.
Na resposta do Académico, Sandro Lima, aos 37 minutos, teve o golo nos pés, depois de uma jogada de Capela, mas o remate saiu muito por cima da baliza.
Na segunda parte, Paulinho, de livre, aos 61 minutos, teve uma boa hipótese para chegar ao golo, mas a defesa do Académico conseguiu evitar que a bola chegasse à baliza de Rodolfo.
Aos 71 minutos, o lance decisivo, com o Académico a inaugurar o marcador numa rápida jogada de contra-ataque, conduzida por Bruno Loureiro, que Tiago Borges concretizou.
Até final, o Portimonense tentou o empate, mas sem conseguir ultrapassar a bem organizada defesa viseense.
O jogo terminaria com um lance que gerou alguma polémica, com a bola a entrar na baliza do Académico, mas o árbitro Jorge Ferreira já tinha apitado antes do desvio de Buba que acabou no fundo das redes viseenses.
Com esta vitória, e os três pontos, o Académico de Viseu 'respira' melhor na classificação, agora com 48 pontos, muito perto de assegurar a manutenção na 2.ª Liga.

sábado, 22 de abril de 2017

SPORTING - 1 BENFICA - 1 - PRIMEIROS


Entrada de ‘leão’ e frieza sueca deixam dérbi sem vencedor

Adrien Silva marcou logo aos 4 minutos mas golo de Lindelof na segunda parte garantiu um empate no jogo entre Sporting e Benfica.

Adrien em disputa de bola com Pizzi
Foto: MIGUEL A. LOPES / LUSA
Dérbi de Alvalade acabou sem um vencedor



Por Diogo Marcelo sapodesporto@sapo.pt
Dois golos em duas partes fizeram o resultado do encontro entre Sporting e Benfica. Adrien Silva colocou os ‘leões’ em vantagem logo nos primeiros momentos da partida mas um livre irrepreensível de Lindelof na segunda parte resultou num empate a uma bola no dérbi em Alvalade.
Os dois treinadores fizeram mudanças na equipa titular, com Rui Vitória a apostar em Cervi para o lugar de Jonas. Já Jorge Jesus preferiu mudar a defesa, tirando Zeegelar e Rúben Semedo para colocar Jefferson e Paulo Oliveira, respetivamente.
E o Sporting não podia desejar melhor início de jogo. Aos 3 minutos do encontro, Ederson complica na área e faz falta sobre Bas Dost. Chamado a marcar, Adrien Silva não falhou e colocou os ‘leões’ na frente do marcador no Estádio de Alvalade.
Depois do golo madrugador, o Sporting cedeu mais posse de bola ao Benfica, procurando apostar em jogadas de contra-ataque para aumentar a vantagem no marcador. Os ‘encarnados’ procuravam inverter o resultado mas a defesa do Sporting estava atenta e impediu as investidas das ‘águias’ até ao intervalo.
Na segunda parte, o Sporting entrou mais forte e apostou muito no lado esquerdo do ataque, com Bruno César e Jefferson a tentarem servir Bas Dost no coração da área. E aos 54 minutos esteve mesmo perto de marcar. Numa recuperação de bola, Gelson Martins aparece em velocidade no lado direito do ataque ‘leonino’ e deixa para Bas Dost, que falha a bola e atira ao lado, muito perto do poste direito de Ederson.
No entanto, seria mesmo o Benfica a chegar ao empate por Lindelof… de livre direto. Aos 65 minutos, o defesa sueco marcou o livre de forma irrepreensível para fazer o golo do empate em Alvalade.
Apesar de jogadas de ataque por parte das duas equipas, o resultado não sofreu mais alterações até ao final, não existindo um vencedor claro no dérbi lisboeta.
Com este resultado, o Benfica mantém os oito pontos de vantagem sobre o Sporting. Já o FC Porto pode aproveitar e colocar-se novamente apenas a um ponto de distância dos ‘encarnados’, se vencer o Feirense este domingo.
Na próxima jornada, o Benfica recebe o Estoril Praia, enquanto o Sporting vai ao terreno do SC Braga.